Quinta-feira, 24 de Junho de 2004

FESTA EM CAUSA DELES

Festa de arromba só pode ter sido, depois de lida tanta concordância e tanta felicitação.

E não faltaram os iates do patrão de Mourinho para apimentar a proximidade e as deduções simbólicas, simétricas como não podia deixar de ser.

Não fui porque não pude, disso tendo avisado o Prof da Causa, com nota de discordância sobre o critério dos Oscares. Como foi momento de celebração, negas ao unanimismo não podiam ter cabidela (por falta de educação ou talvez de elegância, até mesmo sinal de empertinência) e, vai daí, o registo do agradecimento pelo convite, indicação de impossibilidade de comparência e a nota dissonante, perderam-se pelo caminho.

Constatei, logo a seguir, que perdi momentos únicos, embora passíveis de réplica.

Da festa, registo a aristocracia umbiguista do VJS, para quem, antes e depois daquela Festa, nunca, jamais, em tempo algum, a blogosfera se tinha encontrado. Quando a verdade é que este "encontro" é o último noticiado de vários e tantos que aconteceram. Mas, neles, o VJS não esteve, logo não contam para a estatística.

Afinal, para o mal e para o bem, as estrelas da Festa, pelo que fiquei a saber, foram mesmo os iates do russo. Pelo menos, como musa inspiradora de fantasia literária e de hedonismo à solta. Foi assim com o Jumento. Também com o Memórias do Presente. Adorei.

Aconselho que não se perca a leitura da peça do Memórias do Presente. Deliciosa e de extrema fantasia, crónica viva cruzando tempos vividos com os que se vivem, conseguida e com muito que se lhe diga ou mesmo se lhe conte. Eu só lhe juntava uma nota, se o Raimundo mo permite: pelo local e pela ostentação simbólica daquela navegação, sorte teve o Russo mais os GOES, mais a Máfia e outras tais, que nenhum dos iates se chamasse Cunene. Porque, então, o Russo podia ter dormido mal naquela noite.
publicado por João Tunes às 19:36
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Joo a 29 de Junho de 2004 às 15:09
Pois, o Roncinante é tudo menos burro... Ainda bem que não me meti na festa e depois andar em assados com Kalashikov a tiracolo (já tenho a minha conta...). Abraço.


De Raimundo Narciso a 26 de Junho de 2004 às 11:21
Olá. Em conversa com o Jorge - o tal que me enviou o mail e se viu envolvido nas aventuras do dono do Chelsea, durante a Festa Solstícia - soube que ele andou a ver se te via por lá para se sentir mais afoito na investida contra a armada abramovitchiana. Soube também que no afã investigador descobriu o Roncinante, meteu conversa, até lhe ofereceu um cartãozinho com o nome a ver se o dono do Jumento se descaía com a identidade verdadeira mas está quieto ó mau. Agradeceu e disse que tinha deixado os cartões na cavalariça.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. NOVO POISO

. ESPANHA – GUERRA CIVIL

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (1...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (2...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (3...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (4...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (5...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (6...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (7...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (8...

.arquivos

. Setembro 2007

. Novembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds