Quarta-feira, 5 de Maio de 2004

EFEMÉRIDE DO DIA

km05.jpg

Não o conseguiram apanhar em estado de ser embalsamado ou os ingleses não deixaram levar o espólio lá do cemitério londrino. Porque, caso contrário, o mais provável é que tentariam mumificá-lo para veneração conjunta com os seguidores das suas ideias transformadas em praxis.

Mas, quanto ao pensamento de Karl Marx, esse não escapou ao esquife da cartilha e da vulgata. Durante muito tempo, ainda hoje, o génio de Karl Marx sofreu, e sofre, dos efeitos dos maus tratos do “marxismo” e de todos os “ismos” que lhe amarraram às ideias.

A obra colossal de Karl Marx tem génio e tem data. Há uma economia política e um pensamento político, antes e depois de Marx. Mas Marx não podia saber mais que aquilo que se sabia no século XIX. Lido à distância, podemos dizer que Marx errou demais nas previsões e nas projecções. Sobretudo, quando se apetrechou de “optimismo revolucionário” e deixou que a “vontade” sobre o desfecho dos ciclos das crises capitalistas, abrisse campo de fé na sua superação. Mas ninguém, até ele aparecer, foi capaz de fazer tamanha análise sistemática e global da sociedade que ainda nos envolve, agora sob formas que Marx não podia suspeitar. Mas uma das suas grandes “previsões” (falhadas) foi exactamente contrariada pelos cristalizadores do “marxismo”: a “revolução socialista” iria começar nos países de capitalismo mais desenvolvido. Aconteceu o oposto, Marx errou e sabem-se os custos. Um deles, foi a criação do “marxismo”.

Lida a obra de Karl Marx como obra que é do século XIX, muito de fundamental, em termos de ferramenta de análise, lá se encontra para entendermos o mundo de hoje. Apesar dos 186 anos que distam da data do seu nascimento.
publicado por João Tunes às 12:51
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Joo a 6 de Maio de 2004 às 11:37
Já me chamam de moralista. O que não aconteceria se lhe respondesse! Mas leia (no original)porque "aquilo" não se pega. Abraço.


De Marco a 6 de Maio de 2004 às 10:22
Eu nunca li nada do KM. Apenas conheço aquelas frases-chavão que são repetidas por alguns marxistas.
Esclareçam-me uma coisa: há no pensamento dele uma vontade genuína de transformar o mundo num lugar melhor para todos? Ou pretende-se apenas que uma classe social esmague outra?


De Joo a 5 de Maio de 2004 às 23:12
E desculpe lá o conselho, estimado e sábio Azelha: não leia resumos, deite-os fora, vá ao original. Como diz outro sábio, o Sérgio Godinho: cuidado com as imitações...


De Joo a 5 de Maio de 2004 às 23:09
Não é obrigatório ler Marx. E raros são e serão o que o leram ou lêm todo. Mas convem ler alguma coisa para distinguir a diferença entre Marx e o Marxismo. Não só, mas tb por isso, vale a pena o esforço (porque o bicho não é fácil de roer).


De aZElha a 5 de Maio de 2004 às 22:33
Ainda não consegui lêr (de uma ponta a outra) o 1º tomo do 1º livro de O Capital.

Espero vir a fazê-lo e creio que ainda se encontra algo lá que é útil e verdadeiro, a julgar pelos escritos resumidos do memso Livro que li.


De Joo a 5 de Maio de 2004 às 22:24
99% de acordo. Eu só substituia o "ainda tem alguma utilidade" por "ainda tem muita utilidade". Abraço.


De Evaristo a 5 de Maio de 2004 às 18:12
João: Fez muito bem em registar a efeméride de Karl Marx. Quer se goste ou não de Marx, a sua obra faz parte do legado dos maiores pensadores universais, e ajudou a transformar toda a estrutura social, política e económica do mundo,
e, 186 anos depois, ainda tem alguma utilidade.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. NOVO POISO

. ESPANHA – GUERRA CIVIL

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (1...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (2...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (3...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (4...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (5...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (6...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (7...

. ESPANHA – GUERRA CIVIL (8...

.arquivos

. Setembro 2007

. Novembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds